Novidades

A Busca Pela Liberdade

Todo herói e heroína Disney possui um sonho, um desejo que parte do mais íntimo de seu ser, que sempre se torna realidade no final da história. Os sonhos são dos mais variados, mas, hoje, iremos focar em um sonho que talvez todos os personagens tenham, em um grau maior ou menor: liberdade.


A liberdade pode ter várias vertentes, como, liberdade de ir e vir, liberdade para amar, liberdade para ser você mesmo, entre outras. Focaremos nos personagens em que esse desejo de liberdade é mais forte e alcançá-la é como um norte em suas vidas.

Vamos conferir, abaixo, alguns personagens que passaram por diversos percalços e conseguiram ser livres! Quem sabe, alguns desses exemplos não nos inspiram a lutar pela nossa liberdade, em vários aspectos da nossa vida, hein?


1) Branca de Neve
A primeira princesa Disney virou uma prisioneira dentro de seu próprio castelo, graças à Rainha Má, que temia que sua beleza fosse superada. Após fugir, se abrigar na casa dos Anões e ser vítima do 'Sono da Morte', Branca de Neve encontra a felicidade e a liberdade ao lado de seu eterno amor.


2) Pinóquio
Não havia mais cordões presos a ele, mas, para ficar livre das dificuldades de ser um boneco de madeira, Pinóquio teve que provar que era valente, sincero e generoso, ganhando assim sua redenção e uma nova vida como um menino de verdade.


3) Dumbo e Srª. Jumbo
Por causa de suas orelhas anormalmente grandes, Dumbo passou a ser hostilizado e ao tentar defendê-lo, sua mãe foi dada como louca e trancada em uma jaula. Porém, o que parecia ser o maior defeito do elefantinho, acabou sendo o seu passaporte para uma vida melhor. Ao voar e impressionar a todos no circo, Dumbo pôde conseguir a tão almejada liberdade, em todos os sentidos, para ele e sua mãe.


4) Cinderela
É um caso similar ao de Branca de Neve. Ambas foram exploradas e maltratadas por suas madrastas. Mas, com muita fé, perseverança, ratinhos e Bibbidi-Bobbidi-Boo, Cinderela conseguiu seu final feliz, livre de toda a opressão e inveja da sua família.


5) Lady
Às vezes, as classes sociais em que os personagens se encontram, impõem certas limitações. Como é o caso de Lady, que por ser uma cachorrinha de raça e pertencente a uma família de classe média-alta, precisa corresponder a certas expectativas, como ser sempre educada, polida, refinada, contida e outras regras de etiqueta canina. Ao conhecer Vagabundo, Lady fica um pouco mais solta e livre, apreciando coisas simples da vida como pôr as patinhas no cimento, passar a noite fora de casa, e claro, comer macarrão com almôndegas, sem tantas regras e frescuras.


6) Robin Hood
Todos sabemos que Robin Hood roubava dos ricos para dar aos pobres e vendo como o governo do Rei João era injusto e abusivo, no fim das contas, não parece ser uma atitude condenável. Mesmo assim, nosso herói vivia sempre escondido e fugindo dos guardas. Felizmente, Robin conseguiu trazer a paz e a ordem à Nottingham, provando que era um verdadeiro herói e não tendo mais que viver na clandestinidade.


7) Penny
A pequena órfã de Bernardo e Bianca talvez seja um dos casos mais tristes de personagens que tem sua liberdade roubada. Sequestrada por Madame Medusa, ela era obrigada a entrar em uma caverna escura para procurar um raro diamante, além de ouvir comentários depreciativos sobre sua aparência e sobre não ser especial o suficiente para ser adotada. Mas, com um pouco de fé, trabalho em equipe e a ajuda dos ratinhos protagonistas do filme, Penny conseguiu ficar livre das garras da megera e finalmente realizou o seu sonho de ter uma família.


8) Bela e Fera
Para evitar que seu pai ficasse no calabouço da Fera, Bela abre mão de sua própria liberdade e fica em seu lugar. Ao longo, do filme, Fera mostra que possui um lado bondoso e que ama Bela, deixando-a partir para cuidar do pai doente. Esse gesto de amor é o primeiro passo para livrar a todos do feitiço que assolava o castelo.


9) Aladdin
Talvez, muitos não saibam, mas todos os personagens principais de Aladdin não possuem liberdade plena, todos estão presos de alguma maneira. Jasmine, por sua condição de princesa, era proibida de deixar o palácio; o Sultão está preso à lei que diz que sua filha deve se casar no próximo aniversário; Jafar está submetido a um líder que ele julga inferior e incapaz; o Gênio está literalmente preso e ligado à lâmpada mágica e Aladdin é prisioneiro da sua condição social, ou seja, da pobreza. Felizmente, graças a muitos poderes cósmicos e fenomenais e várias viagens de tapete, todos os personagens conseguem se auxiliar e obter a liberdade (menos Jafar, que como gênio, ficou preso em sua nova lâmpada, claro).


10) Quasímodo
O sineiro de Notre Dame parecia ter relativa liberdade, tendo todo o campanário (e um vista incrível) só para si e as gárgulas. Mas, estar restrito somente a um lugar (por mais maravilhoso que seja), só ter contato com uma ou duas pessoas no máximo, olhar a população de longe, sem nunca poder interagir com eles, com certeza não são características de uma pessoa livre. Por sorte, Quasímodo conquista seu direito de poder ir aonde quiser, além de respeito e aceitação.


11) Mulan
Assim como Lady, Mulan também devia corresponder a inúmeras expectativas e convenções, o que sempre a deixava frustrada e triste, já que ela não se sentia capaz disso. Mas, após salvar a China, ela conquista a admiração de todos e o direito de ser ela mesma.



12) Marlin
Procurando Nemo tem vários exemplos de liberdade podada. Nemo é capturado no recife e fica preso em um aquário, Marlin e Dory ficam presos dentro da barriga de uma baleia (ou Miudinho, segundo a Dory), entre outros. Mas uma espécie de prisão que desencadeia todos os eventos do filme, é o medo de Marlin. Depois que sua esposa, Coral, foi morta, Marlin vive prisioneiro de seus medos e acaba sufocando seu único filho, Nemo. Temendo a tudo e a todos, Marlin vive praticamente confinado em sua anêmona, num estado de quase paranoia. Depois de todos os eventos da história, Marlin aprende que não dá pra viver refém do medo, passa a relaxar e ser mais despreocupado.


13) Família Incrível
Depois que os heróis foram proibidos de exercer sua função, a família de Beto e Helena Pera passaram a viver quase que na clandestinidade, escondendo seus poderes de todos. Porém, quando Síndrome entrou em ação, com a finalidade de destruir todos os heróis, eles tiveram que agir e enfrentá-lo. Por conta disso, os heróis voltaram a tona e apesar de ainda manter suas identidades secretas, puderam combater as forças do mal novamente.


14) Rapunzel
Semelhante a Quasímodo, Rapunzel também passou anos isolada no alto de uma torre. Porém, o caso dela é ainda mais crítico. A única pessoa com quem Rapunzel mantinha contato era sua suposta mãe, Gothel. Não havia mais pessoas por perto para observar e seu espaço era ainda mais reduzido que o de Quasímodo. Mas aquela torre era pequena demais para conter um espírito livre e entusiasmado, então Rapunzel a deixou para viver aventuras e descobrir mais sobre si mesma.


15) Elsa e Anna
Os poderes descontrolados de Elsa custaram a sua liberdade e a de sua irmã, Anna. Elsa foi afastada do convívio das pessoas para que não descobrissem o seu segredo, e Anna acabou sofrendo as consequências desse isolamento também. A coroação de Elsa foi o ponto de partida para que a vida das duas mudasse, a partir daí os poderes congelantes foram revelados e depois de muitos contratempos, Elsa finalmente aprendeu a controlá-los, dando um fim a todo o temor do passado e proporcionando uma vida livre para si mesma e para Anna.


2 comentários:

Deixei seu comentário, opinião, dúvida, revelação mística ou qualquer outra mensagem. =]

Entre em contato

Tags Disney Designed by Templateism | MyBloggerLab Copyright © 2014

Tecnologia do Blogger.